Magazine Planos 48 horas em Arcos de Valdevez

48 horas em Arcos de Valdevez

0 Shares
Arcos de Valdevez
Relógio de Água. Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Com todo o encanto do Alto Minho, encontramos no Vale do Vez um tesouro do nascimento de Portugal. Arcos de Valdevez, “onde Portugal se fez”, conta a história da batalha travada entre Afonso Henriques e Afonso VII de Leão e Castela em 1141, que ajudou à fundação das nossas fronteiras como as conhecemos hoje.

Mas não é só da história que se enche de orgulho este município. A natureza está bastante presente, em especial no Parque Nacional da Peneda-Gerês, considerado Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO.

Do alto das aldeias aos vales dos rios, embarque connosco numa viagem por este concelho, onde a paisagem é verde, a arquitetura surpreende e o rio embeleza o caminho.

Sexta-feira à tarde

Arcos de Valdevez
Centro de Interpretação do Barroco. Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

16h: Passeio no centro histórico

Arcos de Valdevez
Centro de Interpretação do Barroco. Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Chegamos ao nosso destino! Deixamos em casa a rotina e começamos a tarde com um passeio tranquilo pelo centro histórico de Arcos de Valdevez.

Iniciamos caminho no Largo da Lapa, onde nos deparamos com o espantoso Relógio de Água. Este exemplar da arquitetura aquática possui 48 jatos de água verticais e está dividido em 12 blocos, em representação de um relógio analógico. Mesmo ao lado, situa-se a Igreja de Nossa Senhora da Lapa, construída em 1767 e de estilo maioritariamente barroco.

Destacam-se ainda outros elementos da arquitetura religiosa como a Capela de Nossa Sra. da Conceição da Praça e a Igreja Matriz de Arcos de Valdevez. 

Terminamos a tarde com uma visita à Igreja do Espírito Santo, agora transformada em Centro de Interpretação do Barroco. Sendo uma das jóias mais valiosas do Barroco português, encontramos no seu interior exemplares de arte religiosa dos séculos XVII e XVIII, que podem ser descobertos de forma interativa com recurso às últimas tecnologias.

20h: Jantar

Arcos de Valdevez
Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Nada melhor para terminar o primeiro dia de aventuras que um bom jantar tipicamente Arcuense. Como prato principal sugerimos a Carne da Cachena com Arroz de Feijão Terrestre. Tenra e de sabor único, esta é uma carne com pouca gordura e muito suculenta, resultado de um equilíbrio absoluto entre a o sistema de produção utilizado e as características da própria raça.

Para a sobremesa é impossível não provar os Charutos dos Arcos, um doce conventual de forma cilíndrica, com um recheio cremoso envolvido em massa de hóstia. Outras das opções mais procuradas são também o bolo de mel e o bolo de discos, que prometem não desiludir os amantes de doces.

Sábado

10h: Percurso pela Ecovia do Vez

Ecovia do Vez
Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Após um bom pequeno-almoço é hora de começar o dia em bicicleta. Entre São Paio de Jolda e Sistelo, o município oferece-nos a Ecovia do Vez com uma extensão de 32,5 km ao longo das margens dos rios Lima e Vez. 

Durante o trajeto passamos por várias zonas fluviais, como a Foz do Rio Ázere, e por vários pontos de informação e observação do Museu da Água ao Ar livre do Rio Vez. Com o objetivo de divulgar e valorizar o património cultural e ambiental associado ao rio, este museu promove o contacto direto com a natureza e permite-nos apreciar toda a diversidade de fauna e flora presente.

13h: Piquenique

É altura de fazer uma pausa e recarregar energias. A Praia Fluvial da Valeta permite-nos o luxo de um mergulho refrescante e proporciona sombras ideais para um piquenique.

Aproveite para descobrir os sabores do concelho que pode levar na mochila. Recomendamos o famoso Salpicão de Laranja, acompanhado de um pão com mel ou compotas da terra e finalize com uma doce e fresca Laranja de Ermelo.

15h: Vila de Soajo

Soajo
Fonte: Centro Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Da parte da tarde seguimos caminho até à notável Vila de Soajo. Integrada no Parque Nacional da Peneda-Gerês, é nesta vila que encontramos um dos pelourinhos mais enigmáticos do século XVI. O protagonismo vai no entanto para os Espigueiros de Soajo, um conjunto de 24 estruturas construídas em granito na Eira do Penedo. 

Destacam-se ainda na vila o Miradouro dos Cruzeiros com vistas sobre a serra e as zonas fluviais do Poço Negro e do Poço das Mantas, ideais para terminar o dia com um mergulho na natureza.

Domingo

10h: Paço da Giela

Paço da Giela
Fonte: Centro Paço da Giela. Municipal de Informação e Turismo de Arcos de Valdevez

Ainda nos sobra tempo para uma última aventura e aproveitamos para fazer uma visita ao Paço da Giela. Monumento Nacional desde 1910, a sua torre integra um museu dividido em três espaços. 

Uma área está dedicada à arqueologia do concelho da Pré-História à Época Moderna. Noutra zona é possível conhecer a evolução e história do próprio monumento. E num terceiro espaço é encontramos uma experiência imersiva em cinema digital sobre o “Recontro de Valdevez”

13h: Almoço

Não podemos ir embora sem antes degustar mais uma ou outra iguaria que nos possa ter escapado. Destacamos o Bacalhau à Lavrador, um prato associado às lavradas do mês de maio. O bacalhau é servido frito e usualmente acompanhado por Arroz das Lavradas (arroz de feijão). 

Para adoçar o regresso a casa levamos na mala uns Rebuçados dos Arcos. Uma especialidade da doçaria regional, feita a partir de uma calda de açúcar e embrulhada em papel de seda colorido. A receita original é secreta e da propriedade da Doçaria Central.

Informação útil


Paço de Giela
Aberto de terça-feira a domingo.
Horário: 10:00-13:00; 14:00-18:00
Horário (de 15 de junho a 15 de setembro): 10:00-13:00; 14:00-19:00
Bilhete Normal: 1€
Crianças dos 0 aos 12 anos: gratuito

Centro de Interpretação do Barroco
Encerrado à terça-feira.
Horário: 10:00-13:00; 14:00-18:00

Poderá encontrar toda a informação sobre os monumentos e atividades aqui.

0 Shares

Artigos relacionados

Faça um comentário

Ao clicar em ENVIAR aceita a privacidade

Copy link
Powered by Social Snap