Ângela Coelho

Ângela Coelho

Já visitei mais de 60 países, mas é neste cantinho à beira-mar plantado ao qual deram o nome de Portugal que me sinto em casa. Sonho ir para sempre poder voltar. A inquietude e a ânsia de explorar o mundo foi o que me fez conhecer mais o meu país e as minhas raízes. Nasci no Porto em 1990, mas considero-me uma eterna nómada. Estudei Jornalismo, mas foi na escrita de viagens que encontrei a minha paixão.

http://umacidadeumrosto.blogspot.com/%20

Descobrir as profundezas do oceano Atlântico é uma experiência inesquecível pela variedade de peixes, pela beleza dos fundos marinhos e pelos despojos de navios que guardam histórias de séculos passados. Conheça alguns dos melhores lugares para fazer mergulho em Portugal e explore o mundo submarino.

Está muito enganado se pensa que os baloiços são coisas de crianças. Há uma nova moda em Portugal que leva os apaixonados pela fotografia perfeita a percorrem quilómetros para terem as melhores vistas do país enquanto balançam ao som da natureza. Há cada vez mais baloiços de madeira panorâmicos espalhados por Portugal que tornam qualquer fotografia partilhada nos redes sociais num autêntico sucesso, sem sequer precisar de filtros.

Uma das melhores opções será com certeza arrendar uma casa de campo para o tão aguardado reencontro num lugar seguro e isolado. Sugerimos-lhe 10 casas de campo grandes para juntar o seu grupo de amigos com todos os ingredientes para umas férias inesquecíveis: piscina, jardim, churrasqueira e muito mais.

Piscinas há muitas, mas estas são especiais e únicas. Cada piscina natural foi esculpida pela natureza (algumas têm intervenção humana também) e é impossível de replicar por todo o cenário que a envolve. Se não gosta de água com cloro e prefere águas mais tranquilas, banhar-se numa das muitas piscinas naturais que existem em Portugal poderá ser um excelente plano para um dia quente de verão. Sugerimos-lhe 10 piscinas naturais imperdíveis para juntar a família e os amigos.

Há várias tradições associadas às celebrações do Santo António, São João e São Pedro, mas será que conhece a sua origem e o porquê de existirem? Deixamos-lhe aqui algumas das mais conhecidas tradições que fazem dos santos populares uma das maiores festas de Portugal.

Um dos locais que estava na minha lista de lugares para visitar em Portugal era sem dúvida os Passadiços do Paiva. Já muito se disse e escreveu sobre este percurso com cerca de 8,7 quilómetros de extensão ao longo da margem esquerda do rio Paiva, no concelho de Arouca, distrito de Aveiro. Mas experienciar a beleza desta paisagem esculpida pela natureza é de facto uma sensação extraordinária.

Ao longo destes séculos de História, houve vários lugares com uma enorme importância e que deram o seu contributo para a formação da nação portuguesa. Porto e Lisboa são sem dúvida cidades com um grande peso na História do país. Mas queremos destacar outros lugares que também inscreveram para sempre o seu nome nos livros da História de Portugal.

Se há quem prefira as praias mais pequenas e recônditas, também há quem goste de ter espaço suficiente para estender a toalha sem pisar ninguém e juntar a família toda. Portanto, reunimos aqui uma seleção de algumas das praias com os areais mais extensos da costa portuguesa para que mantenha o distanciamento social.

O nome atribuído ao conjunto das serras da Freita, Arada e Arestal, pertencentes ao maciço da Gralheira, e da serra do Montemuro, inserida no maciço com o mesmo nome, não foi escolhido ao acaso. Há de facto um efeito encantatório neste território entre os rios Douro e Vouga que faz com que a marca Montanhas Mágicas seja o nome mais apropriado.