Magazine Planos Os mais belos presépios de Portugal

Os mais belos presépios de Portugal

465 Shares
Presépio Natal
Por José Conçalves

Em Portugal, o presépio é habitualmente montado no início do Advento sem a figura do menino Jesus que só é colocada na noite de Natal, depois da Missa do Galo. O presépio costuma ser desmontado a seguir ao Dia de Reis (6 de janeiro).

Apesar de a tradição se manter e de haver figuras indispensáveis à representação do nascimento de Jesus em Belém, há vários presépios de norte a sul do país com características e detalhes especiais que os tornam únicos. Deixamos-lhe alguns dos mais belos presépios de Portugal.

Presépio Gigante de Vila Real de Santo António

Presépio Vila Real de Santo António
Fonte: Câmara Municipal de Vila Real de Santo António

Naquela que é já a 20ª edição do presépio gigante de Vila Real de Santo António, no distrito de Faro, a organização volta a bater o recorde e ultrapassa a fasquia das 5700 figuras. De acordo com a autarquia, foram necessários mais de 40 dias e 2500 horas de trabalho, para dar vida ao “maior presépio do país”.

A lista de materiais utilizados inclui mais de 20 toneladas de areia, quatro toneladas de pó de pedra, 3 mil quilos de cortiça e centenas de adereços. Numa área de 240 metros quadrados, estão expostas milhares de figuras, muitas das quais evocam locais da região, como a Praça Marquês de Pombal, as antigas cabanas da praia de Monte Gordo, as salinas, as tradicionais noras algarvias, e outros monumentos locais.

É ainda importante destacar as mais de 80 peças animadas e motorizadas, os quatro lagos e a iluminação cénica, que se se juntam à reconstituição de muitos episódios cristãos e pagãos associados à quadra natalícia.

Presépio Gigante de Vila Real de Santo António

Onde: Centro Cultural António Aleixo, Vila Real de Santo António
Quando: de 1 de dezembro até 8 de janeiro
Entrada: 1 euro (0,50€ para menores de 10 anos)

Presépio da Marinha Grande

Presépio Marinha Grande
Fonte: Câmara Municipal da Marinha Grande

É das mãos de Filipe Ferreira, contabilista de profissão, que nasce este presépio na Marinha Grande, no distrito de Leiria. O presépio que hoje tem cerca de 1500 peças de barro, começou por ser um presépio tradicional feito em casa dos avós de Filipe em 2000.

Foi só em 2015 que o presépio familiar se tornou um projeto maior e passou a ser exibido no Edifício da Resinagem, após o convite da Câmara. O presépio demora cerca de uma semana a ser montado, mas a preparação começa meses antes com a produção de novas peças e reparação das antigas.

O presépio ocupa uma área de cerca de 60 metros quadrados, criando uma aldeia em miniatura, com peças animadas por meios mecânicos e no centro o nascimento de Jesus. Estão também representados usos, costumes e tradições portuguesas, mais de 150 figuras de animais, o pinhal de Leiria e profissões tradicionais.

Presépio da Marinha Grande

Onde: Edifício da Resinagem – Núcleo de Arte Contemporânea, Marinha Grande
Quando: de 1 de dezembro até 8 de janeiro
Entrada: gratuita

Presépio do Sabugal

Presépio Sabugal
Fonte: Câmara Municipal de Sabugal

Todos os presépios têm características especiais e o de Sabugal não é exceção. De acordo com a Câmara Municipal, este ano, o “maior presépio natural do país” volta a ter lugar nesta cidade da Beira Alta.

A oitava edição do presépio gigante será este ano instalada no Largo da Fonte, no centro da cidade, ocupando mais de mil metros quadrados. Construído à escala real, foram utilizadas “toneladas de elementos naturais para transmitir uma percepção tão real quanto possível, oferecendo uma experiência imersiva imperdível”, garante a autarquia. O presépio é todo construído com recurso a materiais recolhidos na natureza, tais como troncos de castanheiros, heras e musgos.

Além desta recriação, que contempla diversas cenas bíblicas relacionadas com a Natividade, o município oferece também uma exposição de sensibilização ambiental intitulada “Estrelas de Natal brilham no Sabugal” e um Mercadinho de Natal, com produtos e artesanato local.

Presépio do Sabugal

Onde: Centro Histórico do Sabugal
Quando: de 2 de dezembro a 8 de janeiro
Entrada: gratuita

Presépio de Alenquer

Presépio de Alenquer
Fonte: Câmara Municipal de Alenquer

Dezembro é especial em Alenquer. Este ano, está de volta o programa “Alenquer, Presépio de Portugal”, o parque temático alusivo ao Natal e o presépio gigante que é montado na encosta da vila desde 1968.

Foi em 1967 que as cheias provocaram quase 50 mortos no concelho de Alenquer, no distrito de Lisboa. Da tragédia nasceu um momento de solidariedade, e no Natal seguinte a população construiu um presépio na encosta da vila para homenagear as vítimas.

A montagem do presépio na encosta de Alenquer levou à denominação de “vila presépio”, tendo em conta a imponência das figuras, que chegam aos seis metros de altura. Ao longo do mês de dezembro, haverá visitas guiadas ao presépio, exposições, teatro para a infância, mercado e mercearia de Natal e concertos.

Presépio de Alenquer

Onde: Centro da Vila de Alenquer
Quando: de 30 de novembro a 30 de dezembro
Entrada: gratuita

Presépio ao Vivo de Priscos

PRESEPIO DE PRISCOS
Fonte: presepiopriscos.com

A freguesia de Priscos, em Braga, é habitualmente notícia durante a época natalícia por ser o palco do maior presépio vivo da Europa. Todos os anos, o evento reúne cerca de 800 participantes que dão vida ao nascimento de Jesus. Há 90 cenários diferentes com referência às culturas egípcia, judaica, romana, assíria, grega e babilónica.

A edição deste ano do Presépio ao Vivo de Priscos leva-nos de novo por uma autêntica viagem no tempo. Não faltam muitos dos ofícios que existiam na época de Jesus: os ferreiros a forjarem e a temperar o ferro, o sapateiro a concertar sandálias rompidas, serradores que cortam lenha, camponeses a organizarem as ferramentas de trabalho, a tecedeira no tear a jogar fios de lã, o oleiro a moldar o barro, a padeira a amassar a farinha, entre tantos outros cenários da época.

O Presépio ao Vivo de Priscos oferece aos visitantes quatro grandes espetáculos: “O Casamento Judaico”; “Cortejo da Luz”; “O Julgamento” e “O Funeral”.

Presépio ao Vivo de Priscos

Onde: Largo Padre Artur Lopes dos Santos, Priscos, Braga
Quando: 11, 18 e 25 de dezembro e 1, 7, 8, 14 e 15 de janeiro
Entrada: gratuita até aos 16 anos de idade. Os restantes bilhetes gerais custam 5 euros; os maiores de 65 anos pagam 4 euros

Penela Presépio

Presépio Penela
Fonte: penelapresepio.com

O Penela Presépio faz acontecer magia dentro das muralhas do castelo desde 2007, com o seu presépio animado, onde mais de 200 figuras impressas em 3D se movem e recriam o início da era cristã e o presépio tradicional português. O presépio ao vivo é também uma viagem no tempo até ao nascimento de Jesus.

O concelho de Penela, no distrito de Coimbra, volta a encher-se de música, iluminações de Natal e várias atividades. Além do presépio animado, a vila conta também com o Presépio Tradicional do Espinhal, feito por artesãos locais, no interior do Mercado do Espinhal; o Mercadinho de Natal, onde poderão ser encontrados produtos típicos da região; e a Exposição de Presépios, na Igreja de Santa Eufémia, em Penela, e na Igreja de São Sebastião, no Espinhal.

Penela Presépio

Onde: Praça da República, Penela
Quando: de 8 de dezembro até 8 de janeiro
Entrada: gratuita até aos 5 anos. Os adultos pagam 2 euros durante a semana e 3 euros ao fim de semana e feriados. Crianças dos 6 até aos 12 anos pagam 1 euro durante a semana e 2 euros ao fim de semana e feriados.

Tradições (curiosas) do Natal em Portugal

Viaje connosco pelo país imbuído no espírito natalício e fique a conhecer as tradições mais curiosas e peculiares do Natal em Portugal.

Read more

O presépio mais antigo do Porto tem quatro Reis Magos

Das 477 igrejas com identidade canónica da diocese do Porto, a única dedicada a São José é a Igreja de São José das Taipas, perto do Jardim da Cordoaria, e é precisamente aí que pode ser visitado o presépio mais antigo da cidade. Trata-se de uma obra de arte, de estilo barroco, datada do século XVIII, cuja autoria está atribuída à escola de Machado de Castro, um dos grandes escultores europeus do barroco.

Read more

465 Shares

Artigos relacionados

2 comentários

Pedro Ribeiro 26/12/2021 - 02:09

O presépio de Penela é pago, e está erradamente referido como gratuito.

Responder
Ângela Coelho 27/12/2021 - 12:19

Olá Pedro! Obrigada pelo seu comentário. Já corrigimos a informação.

Responder

Faça um comentário

Ao clicar em ENVIAR aceita a privacidade

Copy link
Powered by Social Snap