A tinta estalada, os tetos caídos, os vidros partidos, os cadeados enferrujados são tudo sinais do abandono a que foram votados alguns dos sanatórios do Caramulo. Já pouco ou nada resta da glória que se viveu naquela que foi a única vila portuguesa planeada de raiz.