10 casas de campo com capelas históricas

Ângela Coelho
Casa de Abbades

Casa de Abbades

Pode parecer estranho à primeira vista um artigo sobre casas de campo com capelas; a não ser que esteja a planear um casamento religioso no campo. Mas garantimos que há muito mais para descobrir nestes alojamentos que têm o privilégio de ter uma capela na sua propriedade.

Para começar, o facto de existir uma capela anexa à casa significa que é uma casa antiga e, por conseguinte, com muita história para descobrir. Se gosta de arquitetura, podemos também garantir que irá surpreender-se com algumas destas relíquias bem preservadas. Ficar numa destas 10 casas de campo é como visitar um museu, enquanto usufrui do conforto que merece.

Continuar a ler …

Angra do Heroísmo, a cidade leal que foi capital duas vezes

Ângela Coelho
Angra do Heroísmo

Por Franzfoto

Não há muitas cidades em Portugal que se possam vangloriar de terem sido capitais do país, mas Angra do Heroísmo pode gabar-se de tê-lo sido duas vezes ao longo da História.

Para além de Guimarães, Coimbra, Lisboa e até o Rio de Janeiro, esta cidade situada na costa sul da ilha Terceira, nos Açores, foi capital de Portugal duas vezes em situações complicadas para o país: durante a crise de sucessão de 1580 e, mais tarde, em 1830, no contexto da Guerra Civil Portuguesa (1828-1834).

Continuar a ler …

Ílhavo, sempre de olhos postos no mar

Ângela Coelho

Praia da Barra. Por Vitor Oliveira

Parte do distrito de Aveiro, Ílhavo não se deixa intimidar pela “Veneza portuguesa” e é uma cidade que merece destaque e uma visita por si só por todas as maravilhas que alberga.

Na sua origem encontra-se a cidade Romana de Illiabum. Tal como Aveiro, Ílhavo localiza-se nas terras baixas banhadas pelos braços da ria que o rio Vouga desenha quando chega ao mar. Esta geografia peculiar condicionou a atividade dos seus habitantes, atraindo-os para as fainas da pesca e à longínqua Terra Nova (Canadá e Gronelândia) em busca do bacalhau.

Continuar a ler …

Uma viagem no tempo em Dornes

Ângela Coelho
Dornes

Dornes. Por Ricardo142980

Há quem lhe chame península encantada ou terra mítica dos Templários, mas é preciso muito mais do que estas intrigantes expressões para caracterizar Dornes. Situada no concelho de Ferreira do Zêzere, no distrito de Santarém, esta pequena povoação fica no topo de uma península contornada pela albufeira de Castelo de Bode. Dornes é também conhecida pela torre Templária, uma torre defensiva pentagonal única em Portugal.

Dornes pode ser pequena em tamanho – segundo o semanário Sol, em 2017 viviam permanentemente na aldeia 25 pessoas-, mas no seu legado histórico é enorme.

Continuar a ler …

10 piscinas em casas de campo com as melhores vistas

Ângela Coelho
Quinta Vale da Roca

Quinta Vale da Roca

Para muitas pessoas, a piscina é um critério essencial na hora de escolher uma casa de campo para passar as férias, especialmente no verão. Hoje em dia, uma grande parte dos alojamentos tem piscina na sua propriedade. Quer seja interior, exterior, climatizada, biológica, de água salgada, de borda infinita, uma piscina é indispensável nos dias mais quentes.

Mas e se essa piscina tiver ainda o bónus de ter uma vista espetacular? Sugerimos-lhe 10 casas de campo com piscinas localizadas em sítios estratégicos para que tenha a melhor vista da paisagem envolvente.

Continuar a ler …

10 razões para visitar Arcos de Valdevez

Ângela Coelho
Arcos de Valdevez

Por PatríciaR

Diz-se que Arcos de Valdevez foi a terra “onde Portugal se fez”. Para além de ser uma expressão intrigante e que fica na cabeça, a frase tem uma explicação. Em 1141, Afonso Henriques, futuro rei de Portugal, invadiu e conquistou castelos em território galego, provocando a ira do seu primo Afonso VII, rei de Leão e Castela.

Os exércitos leoneses avançaram sobre o Condado Portucalense, encontrando-se, frente a frente, em Valdevez, para a batalha. Contudo, por mútuo acordo, ambos aceitam trocar o combate pela realização de um torneio, que ficou conhecido como Recontro de Valdevez. Os portugueses saíram vitoriosos, permitindo assim a autonomia e a afirmação crescente do jovem monarca e a independência de Portugal.

Continuar a ler …

11 casas de campo perto do Parque Nacional da Peneda-Gerês

Ângela Coelho
Casa d'Avó Marcelina

Casa d'Avó Marcelina

Sabia que o Parque Nacional da Peneda-Gerês é o único parque nacional que existe em Portugal e um dos mais belos da Europa? Banhado pelos rios Lima e Cávado, possui uma paisagem rara e impressionante com um grande valor ecológico e etnográfico, e uma fauna e flora riquíssimas.

Situado no extremo noroeste de Portugal, na zona raiana entre Minho, Trás-os-Montes e a Galiza, o parque nacional é o lugar ideal para se abstrair da rotina do dia-a-dia e estar em pleno contacto com a natureza. Aqui, irá encontrar miradouros com paisagens inesquecíveis, cascatas paradisíacas e aldeias perdidas no tempo.

Quanto ao alojamento, sugerimos-lhe 11 casas de campo dentro dos mais de 70 hectares que compõem o Parque Nacional da Peneda-Gerês e nos arredores.

Continuar a ler …

Em Porto Covo com vista para a ilha do Pessegueiro

Ângela Coelho
Porto Covo

Porto Covo. Por Nuno Silva

Nas palavras da célebre canção de Rui Veloso, “havia um pessegueiro na ilha”. Mas quem for visitar a ilha do Pessegueiro à procura da famosa árvore de fruto vai ficar desiludido, porque na realidade esta pequena ilha ao largo da freguesia de Porto Covo, na costa alentejana, guarda apenas vestígios de uma velha muralha e de um porto romano.

Não há pessegueiro “plantado por um Vizir de Odemira”, que, como conta a lenda, era um invulgar jovem sábio conselheiro de um poderoso Sultão que se apaixonou pela Costa Vicentina, como canta Rui Veloso. Mas os historiadores acreditam que a ocupação desta costa remonta a navegadores cartagineses, numa época anterior à Segunda Guerra Púnica (218-202 a. C.).

Durante a invasão romana da Península Ibérica, a ilha abrigou um pequeno centro pesqueiro, do qual é ainda possível ver hoje vestígios recentemente descobertos de tanques de salga de peixe, que curiosamente dá o nome à ilha. Pessegueiro viria do termo latino piscatorius ou piscarium que faz referência a peixe.

Continuar a ler …

10 razões para visitar Ponte de Lima

Ângela Coelho

Fundada em 1125 pela Condessa D. Teresa de Leão, mãe do primeiro rei de Portugal, Ponte de Lima é umas das vilas mais antigas e mais pitorescas do país. Parte do distrito de Viana do Castelo, esta vila é fortemente marcada pela sua arquitetura medieval e pela área envolvente, banhada pelo rio Lima.

Desde o império romano que Ponte de Lima era considerada uma localidade importante e estratégica. Por isso, já no século XIV, D. Pedro I mandou cercar a vila medieval com uma muralha de nove torres, onde só se podia entrar através de uma das seis portas.

Continuar a ler …

10 casas de campo isoladas para uma privacidade total

Ângela Coelho
Monte do Ramalho

Monte do Ramalho

Há várias razões para escolher passar as suas férias ou uma escapada de fim de semana numa casa de campo, longe do reboliço da cidade: o contacto com a natureza, respirar ar puro, o sossego e a tranquilidade. Independentemente do seu critério para a escolha do alojamento, a privacidade que uma casa de campo lhe oferece é sem dúvida um dos pontos-chave na hora de escolher onde ficar hospedado.

Selecionámos 10 casas de campo isoladas para que se sinta a sós com a natureza e com os seus amigos e familiares e para que possa fazer todo o ruído que quiser sem se preocupar com o que os vizinhos irão pensar.

Continuar a ler …