Percursos a pé e em bicicleta para descobrir Portugal

Escapada Rural
Praia do Camilo

Praia do Camilo. Por artem evdokimov

Em Portugal somos abraçados pela brisa, pelos aromas, pela natureza e pelo o som do mar. Aqui é fácil maravilhar-nos com as paisagens dos bosques, dos rios, das vilas históricas que surgirão no nosso caminho como um tesouro secreto.

Temos pela frente temos 3 759 quilómetros de percursos certificados, que nos brindam com uma panóplia de aventuras para viver e contar. Quer seja a pé ou de bicicleta, os caminhos de Portugal são uma das melhores formas de descobrir a riqueza cultural e ambiental do país, 365 dias por ano.

Continuar a ler …

Rota pelos principais bairros judeus de Portugal

Mafalda Franco
Medieval Sephardic Synagogue (13th / 14th century) in the left i

Por StockPhotosArt

Os judeus praticaram em segredo a sua religião na Península Ibérica. Aí viveram séculos de prosperidade. Centraram-se em áreas como as finanças, medicina e na expansão da sua cultura durante o domínio muçulmano até 1942, altura em que os Reis Católicos e mais tarde em 1497 o rei de Portugal D. Manuel declararam a sua expulsão da Península.

Os filhos de Sião que negaram a converter-se ao catolicismo e decidiram permanecer na Península Ibérica, tiveram que praticar o judaísmo por detrás de muros, entre ruas estreitas, entre sussurros, na obscuridade como sombras. Desse modo, foram os criptojudeus de Portugal que mantiveram a sua religião e a cultura em silêncio durante 500 anos.

Continuar a ler …

Razões para assistir ao Festival Terras Sem Sombra em Portugal

Escapada Rural
The river Guadiana and the village of Mertola. Alentejo Region

Mertola. Por alexilena

O Alentejo vai de oeste a este, desde Sines na costa até Barrancos, na fronteira com Huelva, Espanha. A sul do Tejo existem, de ponta a ponta uns 190 quilómetros: os montados, um horizonte plano, sobreiros, campos de trigo, oliveiras, algumas videiras, o rio Guadiana, varas de porcos, um mundo agrícola cheio de tradições e uma cultura que se quer preservar.

Este é o mundo que vamos descobrir se seguimos a rota do Festival Terras Sem Sombra, um festival único.

Continuar a ler …

Festival Internacional de Música do Marvão

escapadaruralpt
Marvao

Por Fotoeventis

Dizem que foi enquanto o diretor de uma orquestra alemã percorria o Alentejo em bicicleta que se deparou com a pequena povoação medieval chamada Marvão. Apaixonou-se tanto por ela ao ponto de construir a sua própria casa aí. Um dia, ao contemplar a paisagem desde a janela do seu lar imaginou essa paisagem perfeita acompanhada de música ao vivo e suspirou Eureka.

O diretor da orquestra em questão era Cristoph Poppen e junto com a sua esposa foram os criadores do Festival Internacional de Música do Marvão, que este ano se celebra de 20 a 29 de julho, porém a primeira edição celebrou-se durante um fim de semana do verão de 2014. Aquele sonho megalómano converteu, pouco a pouco, este espetáculo num reconhecido festival de música clássica. Hoje em dia viaja-se até Marvão atraído não só pela vista mas também pelo ouvido.

Continuar a ler …

12 Aldeias históricas de Portugal

escapadaruralpt
Sortelha

Por Peek Creative Collective

Hoje em dia sente-se paz, mas em outros tempos, nas terras da Beira portuguesa, viveram-se lutas, combates, conquistas… e fossem entre espanhóis e portugueses, muçulmanos e cristãos ou de invasores franceses, todas passaram por aqui.

As Aldeias Históricas de Portugal podem parecer lugares salpicados em um mapa, mas o certo é que ajudaram a lutar pela história de um país delimitando a fronteira com Espanha. Estas aldeias cresceram à volta de castelos e refugiaram-se atrás de muralhas, receberam cartas forais e privilegiados foram aqueles que aqui se estabeleceram.

As capelas, igrejas e lendas que as constituem contribuíram, outrora, para criar a pátria. Nos dias de hoje depois de todas as batalhas ficamos com este grupo de aldeias e conhecê-las é fazer uma viagem a outra época, com todas as comodidades do nosso tempo.

Continuar a ler …

Coimbra, a cidade mais romântica de Portugal

escapadaruralpt
Coímbra

Coímbra. Por S-F

É necessário afastar-se um pouco da zona cêntrica de Coimbra e ir, por exemplo, até à Avenida Conimbriga, junto à ponte de Santa Clara e ver como as fachadas amontoadas na colina se erguem desde o rio Mondego até a antiga universidade, imagem que caracteriza Coimbra como um ponto de referência cultural.

Nos dias luminosos, o branco das fachadas contrastam com o azul do céu e com sorte talvez alguma nuvem acabe por criar a panorâmica perfeita, digna de um postal.

No fado Coimbra é uma lição, cantado maravilhosamente pela voz da Amália Rodrigues, a letra já nos dá uma primeira pista de que nos encontramos na cidade mais romântica de Portugal:

“Coimbra onde uma vez
Com lágrimas se fez
A história dessa Inês tão linda”

Continuar a ler …

Monsanto, uma aldeia entre rochas

escapadaruralpt
Monsanto

Monsanto

Podiam ter sido os moradores de Monsanto a inventar a expressão “o mundo está prestes a cair-me em cima” já que a este pequeno povo parece que lhe caíram, literalmente, enormes pedras da montanha sobre as suas casas.

É curioso, como conseguiram que um lugar repleto de enormes pedras fosse povoado por pessoas e o mais impressionante é que o resultado dessa improvável junção seja tão estupendo.

Continuar a ler …

Marvão, história e tradições

escapadaruralpt
Marvao

Por Anna Kompanieitseva

A fronteira de Portugal-Espanha, conhecida pelo epíteto de A Raia. É a linha fronteiriça mais antiga da Europa, que divide os territórios portugueses e espanhóis. A Raia é uma região singular luso-espanhola, que merece ser visitada pelo menos uma vez na vida.

Esta região é bem mais que uma fronteira delimitada entre a região portuguesa de Marvão e a região espanhola da Estremadura. É um território secreto que resguarda o legado histórico, linguístico e cultural partilhado por estes dois povos. A Raia é a guardiã de uma língua, gastronomia e tradições desconhecidas comuns a estes dois países. O concelho de Marvão é exemplo deste cenário, com as suas paisagens encantadoras dignas de um cenário de um filme medieval.

Continuar a ler …

Beja, beleza portuguesa preservada pelo tempo.

Sofia

A cidade de Beja é reconhecida por sua deslumbrante beleza natural composta pelos trigais, oliveiras e falésias banhadas pelo mar Atlântico. Beja possui atrativos naturais de encher os olhos e um patrimônio arquitetônicos de suster o ar e praias que convidam a um mergulho devido ao clima quente e seco.

A história da cidade remonta aos tempos do império romano, o imperador Júlio Cesar erigiu a cidade, fazendo de Beja uma testemunha da riqueza e poder daquele império. Posteriormente, a invasão Moura deixou um riquíssimo acervo arquitetônico nas ruelas da cidade. Continuar a ler …

Porto Covo: descanso e diversão entre o mar e a planície

Sofia

Fonte:Ernstl

Porto Covo destaca-se pelas suas deslumbrantes paisagens, desde as belíssimas praias às planícies alentejanas e o mar azul de pano de fundo. A freguesia está inserida no Parque Natural do Sudoeste alentejano, na Costa Vicentina.

A freguesia conta com um imponente património histórico, onde se destacam o Forte do Pessegueiro, a Herdado do Pessegueiro e a Praça Marques de Pombal. Vale a pena visitar  o Parque Natural, um lugar de rara beleza e paisagens de tirar o fôlego. Continuar a ler …